Tag: Dicas de Viagem

Guia de Viagem – Buenos Aires

Um dos destinos mais acessíveis para nós brasileiros é a Argentina. Digo isso pela facilidade de voos diretos e, claro, a proximidade! O país dos hermanos é a escolha certa para uma primeira viagem internacional e pode ser facilmente programada durante um feriado prolongado. De uns tempos para cá, muitas companhias aereas começaram a operar o trecho de diversas capitais brasileiras e surgiram opções de hotéis para todos os gostos. Mas não pense que uma viagem para lá não exige um planejamento antecipado, por isso aqui vai um guia de viagem com algumas dicas para deixar o seu roteiro ainda mais especial:
buenos-aires
  • É possível viajar para Buenos Aires em qualquer época do ano, mas se você puder escolher, fuja do verão (dezembro, janeiro e fevereiro). O calorão é forte e fica mais difícil aproveitar o dia! 
  • A moeda corrente na Argentina é o peso argentino. Até alguns anos atrás (leia-se durante o governo Kirchner) era indicado ao turista comprar moeda no mercado paralelo, mas agora isso mudou! A sugestão é levar real (troque por pesos no aeroporto) ou dólar (a cotação vale a pena). 
  • Fique esperto com os taxistas! A fama de desonestos não é a toa. 
  • Em Buenos Aires, a boa pedida é fazer os principais pontos a pé. Isso mesmo, deixa a preguiça de lado, coloca um sapato bem confortável e vá explorar os principais bairros. Agora, se a distância ficar muito longa, uma dica é o cartão do metro SUBE. É possível adquirir em qualquer estação por 25 pesos argentinos e depois só abastecer com o credito necessário. 
  • Procure hospedar-se no bairro de Recoleta – região central abastecida de bom transporte público, hotéis e restaurantes. Caso procure um lugar mais descolado (e o orçamento permita) a dica é o bairro de Palermo Soho (onde tem um ótimo comércio de rua) e o Palermo Hollywood. Evite ficar no centro – digo isso por experiência própria! Durante o dia é extremamente comercial e a noite completamente vazio.
  • Documentação: não é necessário passaporte/visto para visitar a Argentina, basta o RG atualizado. Não é permitido entrar com a CNH, ok?
 el-ateneo-2 e68ab593-22ec-4118-9557-c79be677391d-2060x1236

Restaurantes: 

Tegui: considerado um dos 50 melhores restaurantes da América Latina. O rest é super descolado, os pratos bem diferentes e tudo bem saboroso. Só consegue sentar com reserva!
La Cabrera: restaurante especializado em parrillas argentinas. Parece o CT do RJ, escolhe a carne e os acompanhamentos. Precisa reservar! Fica em Palermo. 
Osaka: o rest que mistura culinária peruana e nikkei tem uma unidade em Buenos Aires. Se quiser comer um japa, vale a visita. 
Chila: Rest top em Porto Madero e com um chef bem famoso. Tem um menu degustação e a comida é mais conceitual. 
Elena: restaurante do hotel Four Seasons. Vale almoçar algum dia e provar o menu executivo (valor 30,00 USD por pessoa) 
El Bistro: restaurante do hotel Faena. 
Oviedo: considerado o melhor restaurante de frutos do mar/pescado em Buenos Aires. Tem um ambiente mais formal! 
Olsen: vale ir aos finais de semana e provar o brunch! O lugar é lindo. 
Smeterling Patisserie: doceria bem famosa que fica no bairro de Recoleta.

*** Insider Tip:

A capital argentina é famosa mundo a fora por sua gastronomia, por isso uma das experiências mais legitima na cidade é jantar na casa de um local! Pensando nisso, surgiu o projeto da Casa Felix – restaurante localizado dentro de um casarão antigo no bairro Casarita e com um menu degustação preparados pelos proprietários da casa. É necessário reservar com antecedência e os pratos possuem uma forte influência latina-americana. Só fica aberto durante a primavera e verão. Quando esfria, a Casa Felix se muda para Nova York. 

2b2c0dd5-d7fb-4fbe-899a-038d5771d027-620x372

O que fazer: 

Para quem visita a capital argentina pela primeira vez, não pode deixar de conhecer seus principais pontos: Casa Rosada, o alegre bairro Caminito, Teatro Colon, Puerto Madero, entre outros. No entanto, para deixar o seu roteiro ainda mais elaborado, inclua os passeios abaixo na programação: 

  • Um museu que vale a pena visitar é o MALBA – tem exposições bem legais. O lugar é interessante porque reúne obras de artistas de diversos países e possui algumas obras interativas, deixando o passeio muito mais divertido. 
  • Seguindo as dicas culturais, uma parada obrigatória é a biblioteca El Ateneo Grand Splendid considerada uma das mais bonitas do mundo. Vale fazer uma paradinha e conhecer o seu café.

malba 56673713-c3b7-4173-b61f-19378d95d855-2060x1236

  • Um espetáculo que vale muito a pena assistir é o Fuerza Bruta. Fui no de NY e achei incrível! É uma cia Argentina bem famosa que faz o show. Dá para comprar o tkt pelo site
  • Um tour altamente indicado em Buenos Aires é o de bicicleta. A famosa empresa Biking Buenos Aires possui diversos roteiros na capital argentina e os níveis vão de leve a moderado.
  • Uma outra opção de tour é o Free Walking Tour – uma caminhada gratuita (com duração média de 3hs) guiada por um local. A empresa Free Walks oferece dois horários de tours (Manhã: 10:30hs e tarde: 15hs) e não precisa se inscrever, basta encontrar o grupo no ponto de encontro. 

++++++-————+++++++——————++++++——————-++++++——————–++++++———

Hotéis:

Como já disse por aqui, a nossa dica é se hospedar no bairro de Recoleta (boa variedade com preço justo) e no bairro de Palermo, quando o orçamento permite! Ambos são abastecidos de bons restaurantes, lojas e afins. Para reservas, indicamos o site do Booking no qual somos parceiros e afiliados! Sendo assim, quem reserva pelos links abaixo ou na caixinha ao lado ajuda o blog a crescer ;) Vejam as opções:

*** CASA SUR RECOLETA (diárias desde R$ 400,00)

Hotel boutique, com apenas 36 quartos, localizado no miolo central da Recoleta. Seus quartos são divididos em três categorias e ambos oferecem café da manhã na diária. Este hotel é uma boa opção para quem não quer cacifar os hotéis mais estrelados como Park Hyatt (Palácio Duhau), Four Seasons e Alvear Palace

casa-sur-recoleta-hotel-buenos-aires casa-sur-recoleta-hotel-buenos-aires-cafe-da-manha

*** MINE HOTEL BOUTIQUE (diárias desde R$ 450,00)

Hotel boutique pequeno (com apenas 20 quartos) em uma ótima localização no bairro cool Palermo Soho. Tem um jardim amplo e bonito, piscina aquecida e quartos confortáveis. As diárias incluem café da manhã e algo que chama atenção é a sua ótima avaliação no site do Booking. 

mine-hotel-boutique-buenos-aires mine-hotel-boutique-buenos-aires-recepcao

*** DUQUE HOTEL BOUTIQUE (diárias desde R$ 350,00)

Mais um hotel boutique/pequeno/charmoso para a lista. Sua localização é privilegiada: no miolo das principais ruas do bairro Palermo Soho. O hotel tem um atendimento bem familiar (esqueça os ares cordias de grandes hotéis de rede), quartos pequenos, porém confortáveis e um café da manhã simples/saboroso. 

duque-hotel-boutique-and-spa duquehoteboutiquebuenosaires

### Vejam só todas as atrações mencionadas acima no mapa:

Gostou das nossas dicas? Se você tiver uns dias livres no roteiro, vale combinar Buenos Aires com Mendoza. A região vinícola mais famosa da Argentina fica a uma curta distância de voo (apenas 1h55min) e algumas cias aéreas operam o trecho: Aerolineas Argentinas e LATAM. Aqui no blog tem um post completo com dicas da região (Clique AQUI para ler o post).

Outro destino que pode ser combinado é Montevideo e Punta Del Este no Uruguai. A capital uruguaia fica a 4hs de car ferry de buenos aires e, de lá, é possivel alugar um carro para seguir ate Punta Del Este. Veja o post com dicas AQUI.

PS. Bon Voyage!

Permissão Internacional para dirigir (PID) – Como fazer?

    Ao programar uma viagem ao exterior, muitas pessoas começam a fazer um check-list com todos os documentos necessários para embarcar: passaporte com data de validade acima de seis meses, visto válido, carteirinha de vacina, seguro saúde e por aí vai. No entanto, muitas vezes um documento extremamente importante para quem costuma alugar carro durante as viagens: o  PID – Permissão Internacional para Dirigir, também conhecido como Carteira Internacional de Habilitação não é lembrado. Isso acontece porque em países como Estados Unidos, México e América do Sul a CNH brasileira é aceita. No entanto, para quem pretende visitar lugares na África, no Oriente Médio, na Austrália ou na Nova Zelândia, vai perceber que não se aluga carro sem a habilitação internacional. 

destaque_PID_12082011_25x16_300dpi

    O PID é exigida por lei em mais de 59 países no mundo (veja a lista completa aqui) e ao alugar um carro é obrigatório a apresentação do documento. A Permissão nada mais é que uma carteira de motorista traduzida em mais de 10 línguas e que acompanha a mesma data de vencimento da CNH brasileira. Antigamente tirar uma PID era um processo bem simples, bastava ir a algum posto autorizado de renovação da carteira, fazer uma exame e, pronto! Desde 2003, o documento é emitido apenas pelo site do Detran e cada estado possui uma taxa única do serviço. Nós fizemos a nossa PID por conta da vigem do próximo mês para a Australia e abaixo tem um passo a passo para emitir o documento:

Emissão PID para habilitações registradas no estado de SP

  • Primeiro passo: Cadastro no site do DETRAN SP (aqui)

Este cadastro é necessario para qualquer serviço eletrônico do Detran como segundas vias e acesso as multas. Se você já possui o cadastro, basta incluir o CPF/CNPJ e senha para acesso, caso contrário basta clicar abaixo e dar seqüência a solicitação.  

Captura de Tela 2015-11-23 às 15.24.36

  • Segundo passo: Preencha o formulário do PID

Após o login no site do DETRAN, basta clicar em +serviços eletrônicos e depois clique em Solicitação de PID – Permissão Internacional para Dirigir.

Depois basta preencher o formulário com o número de registro da CNH e informar o endereço correto com CEP e numero da residência. Após isso, siga para a próxima selecionando “avançar”. Na última tela basta confirmar todos os dados informados e confirmar a operação. Será exibido uma tela de que o documento foi solicitado com sucesso!

Sem-Título-1

  • Terceiro passo: Pagamento da Taxa

O ultimo passo é efetuar o pagamento de um boleto eletrônico emitido pelo próprio site. A taxa cobrada pelo DETRAN SP para solicitação da documentação via internet é de R$ 232, 54 ( sendo R$ 221,54 custo do documento e R$ 11,00 pelo envio do documento pelo correios). Para vocês terem uma ideia, no estado do Rio de Janeiro a taxa cobrada é de R$ 107,72, ou seja, menos da metade do valor de São Paulo. 

Depois do pagamento da taxa, o DETRAN tem uma prazo de até 7 (sete) dias úteis para envio do documento. E importante que tenha alguém na residência, pois é necessário assinar pelo recebimento. O Correios faz ate três tentativas de entrega e depois é devolvido ao DETRAN.

PS. Bon voyage!

As melhores ferramentas do KAYAK

Kayak-search-one-and-done-a

    Quem acompanha o PS. Bon Voyage pelo Instagram e Snapchat viu que ontem participamos de um encontro de blogueiros promovido pelo site KAYAK em São Paulo. O evento reuniu formadores de opinião do Brasil inteiro e mostrou as novas ferramentas do KAYAK que ajudam (e muito) a vida do viajante. Na realidade, sempre fui usuária assídua do site (olha esse post aqui com dicas) e conhecer todas as suas vantagens foi muito bacana para compartilhar com vocês!

    Para quem não sabe, o KAYAK é um buscador de viagens, presente em mais de 32 países, que tem como principal objetivo encontrar o melhor preço de passagens aéreas, hotéis e carros alugados para o usuário. A vantagem do Kayak é que o preço apresentado já é sinalizado sem taxas e, assim, não tem aquela supresa na hora de efetuar o pagamento. Nos Estados Unidos o Kayak é conhecido como o Google da Viagem, uma espécie de site de pesquisa, no qual o viajante pode comparar e encontrar o melhor preço antes de fechar uma viagem! Atualmente eles possuem mais de 1 bilhão de buscas por ano e, para vocês terem uma ideia, no site está disponível mais de 550 companhias aéreas e 800 mil hotéis cadastrados. O número impressiona e isso só é possível porque o KAYAK faz parte do gigante de turismo Priceline Group que reúne informações de sites conhecidos, por nós, como: Booking.com  renomado site de hospedagem; Agoda.com – principal site de hospedagem na Ásia; Rentalcars.com o melhor site de aluguel de carros e OpenTable site especializado em reservas de restaurantes! Sendo assim, o site facilita a vida do viajante mostrando o menor preço após uma busca em todos os principais sites de viagem

    Além disso, o KAYAK possui algumas ferramentas onlines gratuitas que tem como objetivo ajudar o viajante antes de comprar uma passagem ou reservar um hotel! Uma delas é a “Projeção de preços” que por meio de um algoritmo analisa o histórico de mudança de preços, com base em mais de 1 bilhão de buscas de voos feitas no KAYAK, e recomenda se vale a pena comprar ou esperar. Esse recurso é ótimo quando bate aquela insegurança se vai aparecer uma promoção!

Kayak_1

    Outra ferramenta que somos muitos adeptos por aqui é a de “Alerta de Preços ” – quando o kayak manda uma mensagem informando se determinada passagem aérea baixou o preço! Esse recurso é um ótimo agregador de serviços e para utilizá-lo basta fazer o seguinte:

  1. Entrar no site do KAYAK (que é todo escrito em português)
  2. Na barra superior, clicar na palavra “VOOS” e incluir as informações, como: aeroporto da ida, aeroporto da volta, datas e quantidade de pessoas. Insider tip: Um recurso que sempre uso nesse momento é o “datas flexíveis” quando o site informa, por meio de um quadro, os valores das passagens aéreas em um período de três dias antes ou depois da data pesquisada. 
  3. Após isso, a próxima página irá informar o resultado da sua pesquisa com todos os voos disponíveis. No canto esquerdo da tela superior, estará o gráfico com a ferramenta “Projeção de preços” sinalizando se é o momento de comprar ou aguardar e, logo abaixo, está o campo com ” Criar alerta de Preços”
  4. Caso você opte em criar um alerta (faça isso que realmente ajuda ;) basta clica no box e fazer um cadastro no site com o endereço de e-mail, senha e aeroporto de saída. Após esse primeiro cadastro, nas próximas vezes só precisa informar o e-mail e senha. Lembrando que esse alerta também é válido para passagens aéreas e aluguel de carro. 

Kayak 2

    Por fim, o buscador de viagens ainda oferece ferramentas como o KAYAK MIX: no resultado da pesquisa de voos o site alerta a melhor combinação de passagens com diferentes cia aéreas, mostrando a opção mais barata. E, ontem, os responsáveis pelo site no Brasil mostraram uma ferramenta que é novidade no canal e pretende criar uma nova tendência de consumo: o EXPLORE . Para usar é bem simples: basta incluir no campo informação do destino, continente, as condições climáticas e até mesmo sua atividade favorita e, claro, o valor que quer gastar – que o site filtra as melhores opções dentro do orçamento! Por ex, fiz uma simulação para uma viagem em Mar/16, com um budget (orçamento) de passagem estipulado em R$ 2.600,00 e na Europa. Vejam só o resultado:

Captura de Tela 2015-10-28 às 14.07.25

    Além do site, o KAYAK tem um aplicativo disponível para celulares Iphone e Android (gratuito e escrito em português!) com a mesma interface de busca de passagens e ofertas! O app ainda incorpora algumas facilidades como o “Rastreador de voos”  com todas informações para ficar atualizado sobre o status do voo a todo momento, além de opções de compartilhamento hotéis, incluindo o envio de informações por e-mail. Realmente vale a pena baixar, afinal sempre gostamos de compartilhar aqui facilidades que geram economia na sua próxima viagem!

E ai, viajantes, gostaram do post?

PS. Bon Voyage!

 

Dicas para economizar na próxima viagem

memorial-day-travel    “Em tempos de recessão, viajar tornou-se algo que precisa ser muito bem pensado antes de acontecer!” Não é a mais pura realidade que estamos vivendo? A boa notícia é que a situação no mercado de viagens não está tão crítica para os turistas, as empresas vem buscando formas de burlar a crise para não perder os clientes, ou seja, congelam os preços, oferecem promoções de aéreos e pacotes com hotéis. Graças a esses descontos, viajar esse ano está mais barato do que no ano passado, mas claro, com menos dinheiro no bolso, os brasileiros estão buscando formas de fazer a viagem caber no orçamento. E sabe o que acontece? Agora estamos trocando a viagem dos sonhos pela viagem possível!

    Para gastar menos em uma viagem não existe segredo, mas sim planejamento. O problema é que na maioria das vezes não é dado a devida atenção ao planejamento e ao controle de gastos. Vale pegar um exemplo simples: diariamente recebemos milhares de promoções de passagens aéreas para vários lugares na Europa, Caribe e Estados Unidos (um estudo feito comprova que desde o mês de Março não houve uma semana sem passagem promocional para EUA) e muitas pessoas pensam que é uma ótima alternativa para viajar ao exterior, mas agora com a alta do dólar é preciso pensar muito bem antes de comprar essa passagem com o preço muy amigo, certo? Antes disso, é necessário levantar o gasto final da sua hospedagem, qual será o gasto diário em refeição e o custo das atrações (uma dica é o site Numbeo que faz um panorama do custo de vida do local). Com isso, aproveite essa época de crise para riscar da lista os lugares mais em conta como aqueles na América do Sul, América Central, alguns na Ásia e até mesmo viajar pelo Brasil!

Organize-1

    Hoje é possível encontrar ferramentas que auxiliam nesse processo, é o caso do site organizze que compila todos os gastos encontrados na internet e mostra (em números) se vale a pena ou não visitar determinado destino. 

    Agora você me pergunta, mas quais são as regras para planejar uma viagem? Bom, não existe regra, mas sim um cronograma de ações que será muito efetivo no corte de gastos! O primeiro, e talvez mais importante, é o tempo de antecedência para fechar uma viagem. Antigamente quando o dólar/euro estavam com cotações amigas comprar uma passagem para o mês seguinte não era o pior dos mundos, afinal era possível encontrar um hotel com diárias promocionais que não machucava tanto no bolso. Hoje é diferente, mesmo essa diária promocional está muito mais cara (para nós). Então que tal comprar a passagem com pelo menos seis meses de antecedência? Uma pesquisa do Booking alerta que as principais redes de hotéis colocam no ar suas promoções com esse período de antecedência, ou seja, você pagará muito mais barato e se tiver a oportunidade de já efetuar o pagamento na hora, faça isso! Assim você fecha a cotação dia, não deixa ela oscilar até a data da viagem. Uma outra alternativa são as outras formas de hospedagem como hostel e apartamentos. O site airbnb lidera o ranking de melhores ofertas de apartamentos em vários lugares do mundo e ainda oferece relatos dos últimos hóspedes com todas as avaliações. Essa opção permite economizar com a alimentação: a ida ao mercado já garante o café da manha e jantar! No caso de hostel, que tal conferir no site Hosterworld os estabelecimentos listados no hoscar  (a seleção dos melhores hostels do planeta feita pelo site) e ver se não tem nenhum que se adeque ao seu destino? Uma boa alternativa para economizar. 

homelisbon2

O Home Lisbon considerado um dos hostels mais legais do mundo em Lisboa, Portugal. A diária custa em média U$ 20  

    Uma outra forma de economizar no roteiro é viajar durante os meses que antecede a alta temporada, ou seja, na baixa temporada. Por exemplo, na Europa os melhores meses para viajar são Abril, Maio, Junho, Setembro, Outubro e começo de Novembro. Nesse período é possível encontrar mais oferta com preços mais baixos e pouca procura. No caso do transporte, uma dica para quem viaja na baixa temporada é deixar para comprar os tickets do trem na data da viagem! Sei que pode parecer loucura, mas é nesse momento que tem os melhores descontos! Corre o risco de não ter disponibilidade, mas caso encontre os preços serão ate 30% mais baixos. No entanto, quem prefere a segurança de sair de casa com os bilhetes em mãos, fica mais barato nos sites da próprias ferrovias: Renfe.com (Espanha), Trenitalia.com (Itália), SBB.ch (Suiça), SNCF.com (França), TheTrainLine.com (Inglaterra) e Bahn.com (Alemanha). 

    Por fim, lembre-se de economizar com os restaurantes! Uma dica é fugir do restaurantes proximos dos cartões postais das cidades, sempre são mais caros. O legal é descobrir um lugar onde os locais frequentam, se aventurar pelas ruelas e para dar uma mãozinha, o app Foursquare sempre ajuda nesse momento. Ah! falando em internet na viagem – lembre-se em desabilitar o 3G e comprar um ship da operadora local! E rápido, simples, mantém os mesmos contatos do whatzapp e é sinônimo de economia!

E ai, viajantes, gostaram das dicas? Quem também tiver compartilha nos comentários.

PS. Bon Voyage!

Como montar o roteiro da sua próxima viagem

    Organizar uma viagem requer tempo, paciência e muita pesquisa! Engana-se quem pensa que basta comprar as passagens, reservar o hotel e, pronto, tudo fechado! Com tantas ferramentas disponíveis, é possível reservar a maiorias dos restaurantes e passeios, comprar passes pela internet, definir todos os meios de transportes e por aí vai. Pode ser até cansativo (ou muito prazeroso para outros), mas um roteiro bem detalhado é uma “mão na roda” durante os dias no destino explorado! Hoje vou comentar com vocês algumas das ferramentas/aplicativos que podem tornar a sua viagem mais fácil:

Antes de mais nada, tenha em mente essas dicas:

  • Defina as cidades e lugares que deseja visitar antes de comprar a passagem aérea

Pode parecer bobagem, mas ao saber quais cidades quer visitar, você consegue comprar passagens entrando por uma cidade e voltando por outra, o que pode poupar tanto dinheiro quanto tempo da sua viagem. Em tempos de crise, algumas promoções de passagens aéreas são super tentadoras, mas, na maioria das vezes, você terá muito menos tempo que gostaria ou que seria necessário para curtir uma viagem  de verdade, o que lhe deixar frustado :/

  • Bate e volta – defina a suas bases!

Sou adepta dos famosos bate e voltas e não canso de falar por aqui. Viajar por região (não capitais) e uma forma mais prática de explorar o destino e bem menos cansativa. Com isso, a minha dica é sempre ver quais cidades/lugares você deseja viajar e assim escolher a base (= cidade) que fica mais ao centro e com uma ótima variedade de hotéis. 

  • Dia de deslocamento é um dia perdido!

Pode parecer besteira, mas o dia de deslocamento na viagem é um dia perdido. Por isso, saiba trabalhar com bons “pit-stops” ou seja, alguma parada interessante e que não seja cansativa no caminho. Se a viagem é feita de carro, vale ver um lugar bacana para almoçar ou visitar determinada atração, mas lembre-se de parar o carro em algum lugar seguro por conta das malas! Alguns países como Itália, Espanha e Portugal, vale ter a atenção dobrada! 

  • Comece a organizar a viagem com pelo menos 3 meses de antecedência

O melhor momento para reservar hotel é exatamente três meses antes da data de hospedagem: é quando as tarifas descontadas aparecem nos sites de reservas de hotéis. Note que os melhores descontos normalmente requerem débito imediato; leia as condições de cancelamento antes de fechar negócios. Os trechos de trem são lançados nos sistemas das companhias ferroviárias entre 90 e 60 dias antes da data de viagem; as tarifas promocionais aparecem sempre neste momento e esgotam logo. Dois meses antes de viajar, marque as visitas que podem ser reservadas pela internet!

Agora vamos as ferramentas:

Sempre falo sobre o Kayak por considerar o site mais avançado em busca de passagens! Sua interface é simples de usar e seu banco de dados possui informações das principais companhias aéreas do mundo. No site é possível pesquisar por passagens multidestinos, incluir a opção “data flexível” para enxergar os melhores preços na semana, fazer um alerta com todas as promoções e salvar a sua pesquisa para eventuais compras. Para fugir das taxas cobradas, a dica é usar os site para fazer pesquisa e depois comprar diretamente no site da empresa escolhida (já expliquei o motivo aqui). 

skyscanner

Costumo utilizar esse site para todas as passagens internas (ou seja low cost). O Skyscanner tem parceiros no mundo todo e sempre oferece os melhores preço no trecho buscado! O site indica dias próximos em que as passagens são mais em conta e traz informações extras como os melhores meses para viajar, aeroportos próximos mais baratos, etc. E o melhor, o Skyscanner não cobra taxas! A única desvantagem é que caso você tenha algum problema com a passagem precisará resolver direto pelo site ou SAC da empresa parceira (muitas vezes gringa e sem atendimento em português)

Sempre checo o site flylc para identificar qual companhias aérea low cost  opera em determinado trecho. O site possui uma interface bem simples, basta informar a cidade de partida/chegada que aparece uma lista com todos os países e as respectivas companhias aéreas.

Captura de Tela 2015-10-05 às 19.48.41

Um site especializado em criar rotas para as road trips (viagem de carro). Basta incluir a cidade de partida e chegada que ele informa a distância, o tempo entre os dois pontos e ainda elabora até três rotas diferentes. 

Falando em viagem de carro, esse é o site que indicamos para aluguel de carro! O Rentalcars compila informações das principais locadoras de carro (Avis, Budget, Hertz, Europcar, entre outros) e traz na pesquisa o melhor preço oferecido. Para reservar é rápido, simples e sem dor de cabeça (o mesmo para cancelamento). 

rome2rio

Sou fã assumida deste site/aplicativo! Sempre que tenho alguma dúvida de como chegar a um determinado lugar recorro a ele. Esse app informa os melhores meios de transportes (avião, carro, ônibus ou trem), distância e tempo para se deslocar de um ponto a outro. E uma ótima ferramenta para organizar os roteiros! 

bookincom

Esse site de reserva de hotéis dispensa apresentações! O Booking revolucionou a vida do viajante independente e vive se reinventado com novas ferramentas. Nunca tive problema com nenhuma reserva e considero o atendimento ao cliente impecável (é possível conversar em português).  Aqui pelo blog é possível fazer a reserva de qualquer hotel sem nenhum custo adicional!

É um aplicativo para quem precisa de um hotel de última hora. Ele encontra os quartos disponíveis na cidade no momento, mostrando a avaliação do hotel e os valores.

tripadvisor

Tenho uma mania antes de visitar qualquer lugar, dou uma olhadinha no Tripadvisor. O site (e aplicativo também) me dá um bom panorama dos lugares que são legais de visitar, fora do roteiro comum, às vezes. Ele possui classificação, então, você consegue ver as atrações e restaurantes que as pessoas mais gostaram. Bom pra fugir de uma cilada, hahaha. Você pode baixar também os guias de cada cidade, se for ficar mais tempo em alguma delas.

citymaps2go-2

O CityMaps2Go é um app para customizar mapas, ou seja, antes da viagem basta incluir todos os detalhes do roteiro (restaurantes, atrações, lugares de compra) e ele salva offline as informações. Por lá, é possível sinalizar no mapa com alguns ícones e incluir legendas com informações adicionais! 

Comentei sobre o Portal da anvisa no post anterior (aquie considero parada obrigatória antes de visitar qualquer novo destino. O site informa todas as vacinas exigidas para brasileiros no mundo todo!

Outro site mão na roda no quesito reserva de restaurantes! O site é muito forte em restaurantes da America do Norte (EUA, México e Canadá), alem de Dubai, Hong Kong, Macau, Irlanda, Japão, Malásia e Singapura. Lembrando que o site tem uma política de até três cancelamentos ( não aparecer no restaurante no dia da reserva) por cadastro, após isso o email é banido do banco de dados!

Ele não é um aplicativo feito especialmente para viagens, mas é uma ótima opção para gerenciar seu dinheiro durante as férias. É possível criar uma verba diária ou semanal, registrar os gastos e guardar fotos das notas.

Google Translate

Faz traduções entre mais de 70 linguas e permite que o usuário ouça a tradução em voz alta, o que é ótimo para descobrir como é a maneira correta de falar. O aplicativo está disponível para Android, IOS e Windows Phone.